banner aprenda ingles 728 x 90

Ensino de música na educação básica universaliza aprendizado de artes e estimula talentos

O aprendizado da música estará ao alcance de toda criança brasileira. O projeto que torna obrigatório o ensino musical na grade curricular da educação básica aguarda apenas a sanção do presidente para ser implantado.

O objetivo da mudança é garantir a formação multidisciplinar e estimular a descoberta de novos talentos. A educadora e música cristã Else Vergara explica que o aprendizado de linguagens artísticas desenvolve a criatividade e auxilia a alfabetização. Para ela, a incorporação de disciplinas de arte no currículo escolar é essencial para a formação cidadã dos alunos. Else é diretora e professora do Sistema Municipal de Ensino do Rio de Janeiro, além de ser cantora, arranjadora, regente, professora de canto e instrumentista.

Para ela, o trânsito entre educação e arte é necessário. “Todas as linguagens artísticas devem estar no currículo e na prática educacionais desde a Educação Infantil até o Ensino Superior, com ênfases diferentes”, defende. Com mais de vinte anos de experiência na formação musical, a educadora afirma que o aprendizado da música desenvolve habilidades como atenção, memória, auto-conhecimento e confiança. “Levar a um exercício de percepção mais sensível, é fazer de cada estudante um aprendiz mais eficiente”.

Além disso, Else salienta o desenvolvimento da criatividade como um dos maiores benefícios do aprendizado artístico. “É fundamental nos quesitos afetividade, inteligência e identidade. As capacidades de transformar, reler, interpretar, resumir, aumentar, transferir, especificar são exigidas de nós no estudo e no trabalho. A prática artística nos prepara para a vida, para a cidadania, tocar em grupo é aprender a ouvir a si mesmo, ouvir o outro, respeitar tempos e ritmos, é socialização”, completa ela.

Outro argumento usado pela educadora no ensino da música é que a educação deve ser realizada com alegria e prazer, através do lúdico. “Se a educação pretende ser fundamental ou básica, deve estimular o aluno em todas as áreas e possibilitar o encaminhamento, de acordo com seu potencial, seu talento, sua vontade para novas descobertas. A nossa obrigação é oferecer estímulos e experiências múltiplas”, conclui.

Atualizada: Terça, 29 Julho 2014 13:41