passaporte para fluencia em ingles banner

Poder do voto religioso cresce em um estado laico

Grupos cristãos, em especial os evangélicos, se organizam politicamente no RN e podem decidir eleições locais e nacionais, diz o jornal potigua Diário de Natal. Segundo o periódico, "O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estima que 20% da população brasileira seja evangélica. No Rio Grande do Norte, o mesmo órgão calculou, em 2009, que mais de 430 mil eleitores potiguares seriam fieis de igrejas protestantes. O número representa quase 25% do eleitorado do Estado".

"De acordo com o cientista político João Emanuel Evangelista, a formação dos grupos evangélicos não ocorre de forma unânime. Ele afirmou, em entrevista ao Diário de Natal, que nas próprias igrejas existem grupos que discordam em determinados temas. "Há um número muito grande de igrejas evangélicas com distintas orientações, inclusive teológicas. É um erro considerar todos os evangélicos como a expressão de um tipo de religiosidade conservadora e atrasada, como se ouve em alguns setores elitistas", declarou."

Leia a íntegra da matéria na fonte Diário de Natal.

pergunta biblica estudo capa a capa w500