passaporte para fluencia banner

Novo relatório mundial sobre o problema das drogas

problema-drogas-w1Heroína, cocaína, ópio, maconha, crack. Prevenção, tratamento, reabilitação e reinserção. Estratégia essencial para reduzir a demanda de entorpecentes no mundo. Necessidade tremenda. 230 milhões de pessoas (5% da população adulta do mundo) consumiram drogas ilegais pelo menos uma vez ao longo do ano de 2010. Mortes? São 200 mil pessoas que se vão anualmente por causa delas! E o pior: álcool e cigarro matam ainda mais. 2.3 milhões morrem por doenças relacionadas ao alcoolismo e 5.1 milhões pelo tabaco. As informações vêm do relatório mundial da ONU sobre Drogas 2012, lançado na manhã desta terça-feira, 26/6, em Nova Iorque, com relevância e apelo urgente de combate ao problema para todos os países do planeta. Afinal, além da pior e definitiva consequência já mencionada, a dependência química destrói a paz familiar, causa miséria repentina, aumenta a violência urbana, espalha doenças como a Aids, atrapalha o desenvolvimento econômico e causa instabilidade na vida de uma comunidade.

O desafio é grande e o problema das drogas é responsabilidade de todos. Informação é fundamental. Para estabelecer planos, objetivos, estratégias de combate eficazes, você pode, entre outras ações e pesquisas, ler aqui (em inglês) a íntegra do relatório mundial sobre drogas do escritório da ONU especializado no tema (@UNODC), sediada em Viena, Áustria, com as tendências e situação atual do problema. 

Os dados e o combate à produção, tráfico e consumo de drogas. As consequências do uso de droga. O tratamento, doenças relacionadas às drogas, as mortes. Perspectivas, características e evolução histórica do problema das drogas. Fatores que moldam a situação atual. Reflita, discuta o problema, junte gente em torno de objetivos concretos, para fazer planos realizáveis, executá-los, implementá-los Agir e avaliar, tudo em oração e na certeza da cooperação divina.

Pena que a maioria prefira ler fofoca de artista gospel ou polêmica de pregador aloprado... Porque se mais gente cristã comprometida com o evangelho se ligar em temas como estes, aumenta a chance da vida no mundo ser melhor para mais gente.

Atualizada: Terça, 26 Junho 2012 18:35