passaporte para fluencia em ingles banner

Como melhorar suas aulas da classe de escola dominical | EBD

  • Por Lenildo Medeiros
  • Publicado em educação
  •  
Seus alunos da classe da ED/EBD agradecem! Seus alunos da classe da ED/EBD agradecem!

Professor ou professora de escola bíblica dominical, quer saber como melhorar suas aulas? Quer ter mais retorno de seus alunos? É isso que você deseja? Então, veja a seguir algumas dicas para se tornar um mestre melhor e fazer a obra de Deus com resultados ainda mais abençoadores!

Ser professor da escola dominical é exercer uma função de grande valor para o Reino de Deus e a igreja local. Ensinar lições bíblicas tem um poder transformador na vida das pessoas, tanto de quem leciona quanto de quem aprende.

Pastores e líderes devem ter os mestres de cada classe da EBD (ou, conforme a denominação, ED) da igreja em alta conta, pois boa parte do mérito pelo crescimento da igreja, em número e qualidade espiritual, vem daqueles que, domingo após domingo de manhã, estão à frente de seus alunos para ministrar a Palavra de Deus.

Contudo, este extraordinário ministério da educação cristã nem sempre é fácil de fazer. Exige muita disciplina espiritual (estudo sério da Bíblia com oração), desenvolvimento pessoal e capacidade de ensinar com recursos didáticos e ideias criativas para a escola dominical, assim como, ter jogo de cintura para administrar relacionamento com todos os tipos de alunos.

Dicas para ser um melhor professor (ou professora) de EBD/ED

Sua classe de escola dominical tem obtido resultados satisfatórios? Os alunos estão voltando a cada domingo motivados? Há mudanças sendo percebidas pelos alunos em sua vida cristã, seja por eles mesmos, por seus familiares e pelas pessoas da igreja? Você termina cada aula com a sensação de que fez o seu melhor? Se respondeu "não" a alguma das questões acima, leia com atenção as dicas a seguir, e faça uma análise do que pode ser útil para seu ministério de ensino.

Preparo de vida em geral (vida toda até aqui).

Primeiro, tem que crer. O perfil básico de um professor de escola dominical tem que incluir novo nascimento em Cristo e fé radical na Palavra de Deus, incluindo-se a consciência da necessidade da ação do Espírito Santo em cada momento do processo ensino-aprendizagem (o que não dispensa o esforço e o trabalho humanos).

Outra coisa: Não dá pra ensinar o que você nem tenta viver (não quer dizer que consegue 100%, mas você busca de todo o coração aplicar em sua vida aquelas verdades bíblicas que vai ensinar).

Preparo estratégico para o trimestre (ou o período inteiro).

Saiba quem são os seus alunos. Lembre-se de sua faixa etária, tipo de família, situação social, interesses, medos, aflições, desejos, sonhos, frustrações etc etc. Leia todas as lições de uma vez só. Guarde na sua memória o máximo do que terá em cada semana. Observe como cada lição está ligada com a outra e identifique o objetivo geral, ou seja, para onde se dirigem até o final do período (na maioria das vezes, são 13 lições num trimestre), o que pretendem que aconteça no final com cada aluno ou aluna.

Preparo anterior às aulas (semana antes).

Estude os textos bíblicos por conta própria e "escreva" sua própria lição (um esboço de conteúdos a ensinar já seria suficiente) antes de ler o texto integral do comentarista da revista ou apostila que você provavelmente recebeu. 

Faça as adaptações e a síntese do seu material e o da revista/apostila e escolha dos recursos didáticos apropriados.

Defina como vai começar a aula (tem que ser algo bombástico, que pegue de jeito a atenção dos alunos)

Durante a aula.

Depois do início que capta a atenção, não decepcione... Dê bastante conteúdo que funciona na vida deles. Faça isso, dividindo a lição toda em 2 a 4 tópicos que você possa desenvolver, cada um, em 10 a 15 minutos.

Aplique sempre de forma muito prática à vida dos seus alunos. Dê a eles razões para querer aprender aquelas lições com você, pois elas trazem resultados diretamente no dia-a-dia deles. E mostre a eles essa utilidade. Nem sempre percebem que o que está sendo ensinado tem este valor. O professor precisa repetir e demonstrar com exemplos como aquela verdade serve pra pessoa na vida real!

Reserve tempo em cada aula, após a primeira parte do conteúdo propriamente dito, para conversar sobre o tema da lição livremente com os alunos. Tire dúvidas, ouça a visão deles sobre os tópicos mencionados na aula, busque deixar que eles troquem esse conhecimento entre eles e com você. Evite a dispersão do tema, sempre traga de volta para o foco do que foi ensinado naquela aula. Incentive a continuidade deste bom debate (o construtivo e focado no objetivo proposto) durante todo o domingo e a semana, seja através das formas de comunicação online ou offline.

Após a aula.

Lembre-se de orar por seus alunos, individualmente, por nome, lembrando-se de casos específicos que eles contaram a você e pelos quais até pediram que você orasse. Então, ore mesmo por eles e veja a diferença que vai acontecer ao longo do trimestre ou do período do curso. Esteja sempre disponível para conversar com a sua turma, em grupo ou individualmente, inclusive fora do contexto da sala de aula no domingo. O chamado que você recebeu do Senhor Jesus é pra vida toda, o tempo todo, em qualquer lugar. 

Se você achou útil este artigo, compartilhe com seus irmãos e irmãs em Cristo. E não esqueça de comentar aqui embaixo e oferecer mais dicas e sugestões para os professores. Eles e eu agradecemos!

Você trabalha com crianças na igreja?

Atualizada: Quarta, 31 Maio 2017 12:56