passaporte para fluencia em ingles banner

Vaticano: Princípios para uma solução justa para o conflito na SÍRIA

Em 5/9, o arcebispo Dominique Mamberti, secretário para as Relações com os Estados do Vaticano, reuniu-se com embaixadores junto à Santa Sé para expressar as preocupações do papa e do Vaticano sobre a situação instável da paz em todo o mundo, com atenção especial para o Oriente Médio e a Síria, em particular, que até agora custou a vida de mais de 110.000 civis, criou quatro milhões de refugiados dentro do país e provocou um êxodo de mais de dois milhões em países vizinhos. "Diante de fatos desse tipo, não se pode permanecer em silêncio", disse Mamberti, para, em seguida acrescentar que a cessação da violência é uma "prioridade absoluta", e fez um apelo às partes para não ficarem "envoltos em seus próprios interesses" e fazerem todos os esforços para promover, sem mais delongas, "iniciativas claras para a paz, sempre com base no diálogo e na negociação".

Ele ainda enfatizou "a importância e a urgência do respeito pelos direitos humanos" e "a necessidade de assistência humanitária para a maioria da população". Além disso, ele agradeceu a generosidade de muitos governos em favor da população da Síria que sofre.

Os princípios gerais que ele propôs para chegar a uma solução justa para o conflito incluem: trabalhar para o restabelecimento do diálogo entre as partes e para a reconciliação da população da Síria, a preservação da unidade do país, evitando a criação de zonas diferentes para os diversos componentes da sociedade, e garantindo também a sua integridade territorial.

Mamberti falou sobre a importância do respeito pela liberdade religiosa, e enfatizou a importância da igualdade e a cidadania, a partir da qual todos, independentemente da sua origem étnica ou crença religiosa, são cidadãos de igual dignidade, com igualdade de direitos e deveres. Concluiu chamando a atenção para "a crescente presença de grupos extremistas na Síria, muitas vezes proveniente de outros países", pedindo à população e também aos grupos de oposição que se distanciem de tais extremistas, opondo-se ao terrorismo de forma aberta e clara".

 

Atualizada: Domingo, 06 Outubro 2013 09:26

pergunta biblica estudo capa a capa w500