pregacoes evangelicas passo a passo

Editora investe em publicações acadêmicas para apoiar a tarefa do líder cristão

Dirigidas a líderes cristãos que atuam na escola bíblica e na pregação da Palavra, a professores de cursos de Teologia, a estudiosos e tradutores das Sagradas Escrituras, as obras de pesquisa e aprofundamento do texto bíblico disponíveis já alcançaram nível de qualidade e utilidade excelentes e podem ser encontradas facilmente nas livrarias cristãs e na Internet. Exemplo disso é o conjunto de livros da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) com os idiomas originais do Antigo e Novo Testamentos, que ganharam introdução em português e custo mais acessível, Atlas Histórico e Geográfico e Manual da Bíblia, com um conteúdo de conhecimento sobre o contexto e a história do texto bíblico de fácil entendimento. Disponibilizar a Bíblia em traduções de qualidade tem sido uma prática frequente na atividade editorial cristã. No entanto, para aqueles que se dedicam ao estudo aprofundado das Sagradas Escrituras, é preciso contar com um material mais específico. E é isto o que tem feito a SBB. Fundada há mais de 60 anos com a missão de proporcionar a todas as pessoas o acesso à Palavra de Deus, a organização tem se dedicado à formação de um relevante acervo de obras acadêmicas. Entre os destaques, há ferramentas para estudiosos e tradutores das Sagradas Escrituras, como a Bíblia Hebraica Stuttgartensia e o Novo Testamento Grego, que começam as ser impressos no Brasil. “São as mais importantes edições utilizadas em todo o mundo, que agora ficam mais acessíveis para os acadêmicos brasileiros. Para a SBB, é gratificante poder contribuir para o aperfeiçoamento daqueles que se dedicam ao conhecimento profundo do texto bíblico”, afirma Paulo Teixeira, secretário de Tradução e Publicações da organização. Além das edições dos textos originais (hebraico, aramaico e grego), ela edita também obras de referência, como, por exemplo, o Atlas Histórico e Geográfico da Bíblia (quase 5 mil exemplares em circulação) e o Manual Bíblico SBB (já na segunda tiragem, com 22 mil exemplares nas mãos dos estudiosos). A decisão de publicar estas obras segue uma tradição centenária, como explica o consultor de traduções da SBB, Vilson Scholz: “As Sociedades Bíblicas se tornaram, de certa forma, as guardiãs dos textos originais, na medida em que as suas edições dos textos hebraico, aramaico e grego, aos cuidados da Sociedade Bíblica da Alemanha, foram adotadas por praticamente todos os tradutores e especialistas da Bíblia em todo o mundo. Há até quem diga que essas edições se tornaram um novo textus receptus ou “texto recebido (e aceito) por todos”. No Brasil, a SBB abraçou a responsabilidade de disponibilizar esses textos e torná-los mais acessíveis, na medida do possível. Deste esforço faz parte a publicação do Novo Testamento Interlinear Grego-Português, em 2004, e o lançamento, em agosto de 2009, da Biblia Hebraica Stuttgartensia com introdução em português. Ainda em 2009 foi publicado o Novo Testamento Grego, com introdução, títulos de seção e abreviaturas em português, além de um léxico grego-português como apêndice. Consideradas um importante recurso para o trabalho pastoral, ao lado de materiais de referência, essas obras se destacam pela qualidade. “Mas nosso desafio é mostrar que o estudo aprofundado das Escrituras Sagradas é, também, parte do processo de meditação da Palavra e que não contradiz o que chamamos de "iluminação do Espírito Santo". Claro, este trabalho de conscientização não depende exclusivamente da Sociedade Bíblica, sendo mais um esforço que cada denominação precisa fazer, se julgar conveniente e necessário”, reforça Scholz. Segundo o consultor da SBB, meras demonstrações de erudição, especialmente na forma de detalhes técnicos (como sutilezas da língua hebraica ou da língua grega), não cabem na pregação da igreja porque não edificam o povo de Deus. “Detalhes técnicos são, por assim dizer, as cascas da batata, que não vão para a mesa. Agora, quanto mais aprofundado for o conhecimento do líder religioso, maior o benefício da igreja”, observa. “Quem conhece as Escrituras a fundo fala com conhecimento de causa e convicção. Por outro lado, como Martinho Lutero disse certa vez, o estudo da Bíblia no original traz frescor à pregação. O pregador diz sempre as mesmas coisas, do mesmo jeito? A saída é aprofundar o estudo do texto bíblico”, conclui, ressaltando que a publicação de materiais acadêmicos, como tem feito a SBB, é uma maneira de incentivar a liderança eclesiástica brasileira a fazer exatamente isto. EDIÇÕES ACADÊMICAS Manual Bíblico SBB: publicação sem tendência doutrinária, criada para ser usada com a Bíblia em qualquer versão ou tradução. Seu grande diferencial é reunir informações que antes só podiam ser encontradas em vários livros de referência diferentes. O Manual analisa cada livro bíblico parte por parte, oferecendo resumos e anotações sempre que necessário. Traz ilustrações, mapas e diagramas – todos em cores – que esclarecem o significado do texto bíblico e permite que interesses específicos sejam investigados em maior detalhe. É dividido em quatro grandes seções: Introdução à Bíblia; O Antigo Testamento; O Novo Testamento; e Auxílio Rápido. Recursos: Um guia da Bíblia de 680 páginas, dividido em seções, com anotações explicativas sobre palavras-chave e questões de significado e interpretação; 126 artigos de especialistas sobre o contexto e o uso da Bíblia, além de assuntos de interesse especial; Mais de 700 fotografias e ilustrações coloridas, retratando com vivacidade o mundo dos personagens e acontecimentos bíblicos; 68 mapas colocados em pontos fundamentais, com localizações e outros detalhes necessários ao estudo do texto; 20 quadros e diagramas, apresentando informações históricas e contextuais de forma visual e prática. Código: EA973MB. Formato: 16 x 24,5 cm. Páginas: 816. Encadernação: capa dura ilustrada. Impressão: 4 cores. Preço: R$ 59,90. Atlas Histórico e Geográfico da Bíblia: Em forma de narrativa, a obra sintetiza a história bíblica desde Abraão até Paulo. Para isso, baseia-se nas mais recentes descobertas de historiadores e arqueólogos. De autoria de Paul Lawrence, traz 97 mapas, 17 plantas de sítios arqueológicos e mais de 150 fotografias. Reúne, ainda, tabelas cronológicas, bibliografia, glossário e índices (geral, temático, geográfico e referências bíblicas), além de destacar assuntos como os povos e as línguas que aparecem na Bíblia. Formato: 21,0 cm x 30,0 cm. Código: EA953PATLAS. Encadernação: capa dura ilustrada. Preço: R$ 59,90. Bíblia Hebraica Stuttgartensia: Com prefácio em português e impressa no Brasil, pela SBB, a obra tem agora custo mais acessível. O texto original em hebraico e aramaico é a edição básica para a tradução do Antigo Testamento. Baseada num único texto, o Códice Leningradense, incorpora notas sobre variantes textuais, incluindo algumas dos rolos do Mar Morto. Voltada a acadêmicos em geral, pastores, obreiros e estudantes de Teologia, traz notas de rodapé e anotações laterais. Recursos: Editada sob a coordenação de Karl Eliger e Wilhelm Rudolph. 5ª edição revisada, de 1997, preparada por Adrian Schenker. Recursos: Edição crítica padrão da Bíblia Hebraica, com texto hebraico baseado no Códice Leningradense; Revisão completa do aparato massorético por Gérard E. Weil; Massora Parva (Menor) completa impressa na margem, remetendo o leitor à Massora Magna (Maior), impressa separadamente; Introdução em português, inglês, alemão, francês, espanhol e latim; Glossário em inglês e alemão para palavras e abreviaturas latinas. Código: BHS353. Formato: 13,0 x 19,0 cm. Páginas: 1.680. Encadernação: Capa dura marrom. Preço: R$ 98,00. Novo Testamento Grego: Com texto original do Novo Testamento em grego, é a edição mais usada no mundo, especialmente por tradutores. Editado por Barbara Aland, Kurt Aland, Johannes Karavidopoulos, Carlo M. Martini e Bruce M. Metzger (quarta edição revisada, de 1993). O texto grego, estabelecido por uma comissão internacional e interconfessional, é idêntico às 26ª e 27ª edições do Novum Testamentum Graece de Nestle-Aland, exceto por algumas pequenas diferenças de pontuação. Acompanha um dicionário grego-portugês preparado pelo Dr. Vilson Scholz (a partir dos dicionários grego-inglês de Barclay M. Newman e de Louw-Nida). Esta edição do Novo Testamento em grego, até agora, só podia ser adquirida com as introduções em língua inglesa, alemã e espanhola. Pela primeira vez está disponível não apenas com as introduções em português, mas também com o dicionário grego-português. Impressa no Brasil, pela SBB, ganhou custo mais acessível. Recursos: Introdução e títulos de seções em português; Aparato crítico em português, incluindo apenas as variantes textuais que implicam diferenças significativas para os tradutores; Para cada variante, uma grande quantidade de manuscritos é citada, dando uma indicação do grau relativo de certeza para cada decisão textual; Aparato com informações sobre as principais diferenças de pontuação e segmentação ou estruturação do texto em relação a outras edições do texto grego e a várias traduções modernas, reunindo um total de 16 livros, entre edições e traduções; Referências cruzadas; Guia de sinais e abreviaturas; Dicionário grego-português com 6.435 verbetes. Público-alvo: Acadêmicos em geral, pastores e obreiros, estudantes de Teologia. Código: GNT43DICBR. Formato: 13,0 x 19,0 cm. Páginas: 1.040. Encadernação: Capa dura vinho. Preço: R$ 98,00. Novo Testamento Interlinear Grego-Português: Com o mesmo texto de O Novo Testamento Grego, é ideal para auxiliar na pesquisa do texto original e na preparação de pregações e estudos bíblicos. Destaca-se pela tradução bastante literal na entrelinha (logo abaixo do texto), como um verdadeiro dicionário espalhado ao longo do texto bíblico. Contém: o texto original grego (The Greek New Testament, 4ª edição, 1994); a tradução literal em português; duas traduções em português: Almeida Revista e Atualizada e Nova Tradução na Linguagem de Hoje. Recursos: Análise de formas verbais mais complicadas, localizada no rodapé; Apêndice com análise das formas dos 15 verbos mais comuns do NT; Breve explicação sobre a língua grega no Novo Testamento. Código: EA983GPI. Formato: 17 x 23,5 cm. Páginas: 992. Encadernação: capa dura ilustrada. Preço: 91,70. Novum Testamentum Graece – Nestle-Aland, 27ª edição: Traz o mesmo texto grego que aparece em O Novo Testamento Grego. Edição ideal para teólogos e pastores. Editora: Sociedade Bíblica Alemã. Destaca-se pelo grande número de referências cruzadas. Recursos: O aparato crítico de variantes textuais é bem mais elaborado, incluindo mais de 10 mil itens (o aparato de O Novo Testamento Grego se limita a 1.438 variantes). O número de manuscritos citados para cada variante é inferior em relação a O Novo Testamento Grego. Código: NT_NESTLE. Formato: 13,5 x 19 cm. Páginas: 890. Encadernação: capa dura azul. Preço: 185,10. Biblia Sacra: 5ª edição, de 1997, da Biblia Hebraica Stuttgartensia e da 27ª edição revisada, de 1994, do Novum Testamentum Graece. Editada por Eberhard e Erwin Nestle e Barbara e Kurt Aland. Seu principal destaque é reunir, em um só volume, o texto da Biblia Hebraica Stuttgartensia e do Novo Testamento Grego, com custo menor do que as duas edições em separado. Editora: Sociedade Bíblica Alemã. Recursos: Antigo Testamento: Introduções em alemão, inglês, francês, espanhol e latim; Revisão do Aparato Massorético, em inglês e alemão, para palavras e abreviações latinas e Massora Parva completa, impressa na margem, remetendo o leitor à Massora Magna. Novo Testamento: Introduções em alemão e inglês; Aparato crítico, com citação dos principais manuscritos e versões; Referências; Símbolos e abreviaturas mais importantes; Mapas em cores. Código: BIBLIA SACRA. Formato: 13,5 x 19 cm. Páginas: 2.576. Encadernação: capa dura creme. Preço: 432,60. Septuaginta: Edição crítica da famosa tradução judaica do Antigo Testamento para o grego. Editada por Alfred Rahlfs, em 1935, com base em vários manuscritos (edição eclética). A 2ª edição foi revisada por Robert Hanhart. Destaca-se por ter fornecido o vocabulário grego para os escritores do Novo Testamento, além de terem sido extraídas dela muitas citações do Antigo Testamento no Novo Testamento. Editora: Sociedade Bíblica Alemã. Recursos: Introdução em grego moderno, latim, alemão e inglês; Aparato crítico; Guia de sinais e abreviaturas. Código: TA_SEPTUA. Formato: 12 x 18,4 cm. Páginas: 2.208. Encadernação: capa dura azul. Preço: 288,40. Biblia Sacra Vulgata: 4ª edição corrigida, de 1994, em um único volume. Baseia-se na: Edição do Antigo Testamento dos monges do monastério de São Jerônimo, em Roma; E na edição do Novo Testamento de Wordsworth e White. Seu texto, em latim, é o da Bíblia oficial da Igreja Católica, desde a metade do século XVI. Seu projeto original é de Jerônimo (406 d.C.). Recursos: Aparato crítico; Introdução em latim, alemão, francês e inglês; Novo aparato revisado nos livros da Sabedoria, Profetas Menores, 1 e 2 Macabeus, Tito, Filemom e Hebreus; Apêndice: Oração de Manassés, 3 e 4 Esdras, Salmo 151 e Epístola aos Laodicenses; Guia de sinais e abreviaturas. Código: VULGATA. Formato: 13,2 x 18,5 cm. Páginas: 2.208. Encadernação: capa dura verde. Preço: 299,00. MULTIMÍDIA Sistema de Biblioteca Digital Libronix: Sucessor do Logos Library System –, uma tecnologia revolucionária, que permite adquirir obras digitais completamente diferentes, personalizadas de acordo com a necessidade e o gosto do usuário. Introduzido pioneiramente em 2005, pela Sociedade Bíblica do Brasil, o Sistema de Biblioteca Digital Libronix conquistou acadêmicos, estudiosos da Bíblia e líderes cristãos pelas inúmeras vantagens oferecidas. Como faria um bibliotecário num ambiente físico, ele adquire, cataloga e organiza os livros e ajuda o usuário a encontrar as informações que está buscando. O sistema possibilita a ativação e desbloqueio de livros via Internet e suporta interfaces de usuários e livros eletrônicos traduzidos para centenas de idiomas. Um seletor de teclado permite a digitação em outras línguas, recurso este de grande utilidade em pesquisas nas línguas originais da Bíblia – hebraico, aramaico e grego. Novos recursos e ferramentas foram incorporados ao sistema, conferindo ainda mais rapidez no estudo e pesquisa dos livros. Entre eles estão: Pesquisa rápida na Bíblia, Guia de Estudo da Palavra, Guia Exegético, Menu Favoritos, Realce e Marcas Visuais e Palavras importantes. A SBB disponibiliza três pacotes diferenciados com esse sistema. São eles: Biblioteca Digital da Bíblia, edição acadêmica: Reúne 16 publicações em formato digital. Se essas obras fossem adquiridas em formato impresso, teriam um custo de cerca de R$ 900,00. Com a Biblioteca Digital da Bíblia é possível ter acesso a todo esse acervo desembolsando apenas 20% desse valor. Bíblias: Almeida Revista e Atualizada (RA), com números de Strong; Almeida Revista e Corrigida (RC), com notas e referências; Nova Tradução na Linguagem de Hoje, com notas, referências e vocabulário; King James Version (inglês), com palavras de Jesus em vermelho; Santa Biblia Reina Valera 1960 (espanhol), com notas e referências; Sainte Bible Louis Segond (francês), com palavras de Jesus em vermelho, notas e referências; Die Luther Bible 1545 (alemão); Giovanni Diodati 1649 (italiano). Bíblias de Estudo: Bíblia de Estudo Almeida (RA e RC); Obras de Referência: Dicionário da Bíblia de Almeida – 2ª edição, Concordância Exaustiva do Conhecimento Bíblico, com mais de 600 mil referências cruzadas. Obras acadêmicas: Novo Testamento Grego Nestle-Aland – 27ª edição; Septuaginta; Biblia Hebraica Stuttgartensia. Código: LIBRONIX01. Preço: R$ 186,00. Biblioteca Digital da Bíblia: Reúne 24 importantes obras para o estudo da Palavra de Deus. Bíblias: Almeida Revista e Atualizada (com números de Strong ou com notas e referências); Almeida Revista e Corrigida (edições de 1969 e 1995); Nova Tradução na Linguagem de Hoje; King James Version; Giovanni Diodati 1649; Vulgata; Boa Nova (Portugal); Revista e Corrigida (Portugal); Louis Segond 1910; Reina-Valera 1960; Luther Bibel 1545. Bíblias de Estudo: Nova Tradução na Linguagem de Hoje, Bíblia de Estudo Almeida (Revista e Atualizada), Bíblia de Estudo Almeida (Revista e Corrigida); Originais (texto simples, sem acentuação): Bíblia Hebraica (Códice Leningrado), Novo Testamento Grego (1550/1894 e 1881), Septuaginta. Obras de Referência: Dicionário da Bíblia de Almeida, Concordância Exaustiva do Conhecimento Bíblico, Léxico Hebraico, Aramaico e Grego de Strong, Matthew Henry’s Concise Commentary on the Bible. Formato: CD-ROM. Código: LIBRONIX02. Preço: R$ 82,10. Biblioteca Digital Esperança: A obra reúne os consagrados Comentários Esperança do Novo Testamento totalmente compatíveis ao Sistema de Biblioteca Digital Libronix. Em um único CD-ROM estão contidas as 29 obras que integram os Comentários Esperança, além do conteúdo integral da Bíblia na Nova Tradução na Linguagem de Hoje e introdução e síntese do Novo Testamento. A versão eletrônica dos Comentários Esperança – de autoria de renomados teólogos de língua alemã – é dirigida a acadêmicos, estudantes de Teologia, pastores e obreiros. O propósito dos Comentários é esclarecer o texto das Sagradas Escrituras, permitindo ao leitor se aprofundar no estudo da Bíblia. Recursos: Sistema de Biblioteca Digital Libronix; Bíblia Nova Tradução na Linguagem de Hoje; Introdução e Síntese do Novo Testamento; Coleção Comentários Esperança (NT). Código: LIBRONIXBDE01. Formato: CD-ROM. Preço: R$ 298,00.

Missões Urbanas

Assine agora! Boletim especial gratuito Soma Missões Urbanas!

banner missoes urbanas evangelismo 728x90

 

pergunta biblica estudo capa a capa w500