pregacoes evangelicas passo a passo

Como atender o chamado de Deus e ser bênção na cidade

  • Por Lenildo Medeiros
  •  

Um cristão, ou uma cristã, aqueles comprometidos com a missão de Jesus, exposta na Bíblia, têm um chamado por Deus para abençoar vidas. Você quer ser uma bênção para o próximo que encontra no seu dia-a-dia na grande cidade? Conheça um pouco mais do que a Palavra de Deus ensina sobre missões urbanas.

Veja o que a Bíblia diz sobre a missões cristãs no contexto urbano

Na Bíblia, este chamado é feito por Jesus a todos os discípulos, sem exceção. Ele diz: "Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura" (Evangelho de Marcos 16.15). E em Atos 1.8, a fonte de poder para o testemunho e a ordem de prioridades são estabelecidas: "Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judeia e Samaria, e até os confins da terra".

Sobre o escopo da missão, Jesus nos orienta: "assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós" (Evangelho de João 20.17). Ou seja, os discípulos são chamados a abençoar vidas. Veja alguns dos objetivos do Pai ao enviar Jesus nesta profecia de Isaías que, segundo os teólogos, aponta para o seu Servo que estaria por vir: "O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos; a apregoar o ano aceitável do Senhor e o dia da vingança do nosso Deus; a consolar todos os tristes; a ordenar acerca dos tristes de Sião que se lhes dê glória em vez de cinza, óleo de gozo em vez de tristeza, vestes de louvor em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem árvores de justiça, plantações do Senhor, para que ele seja glorificado" (Isaías 61:1-3).

Assim, os discípulos são chamados a cuidar de pessoas, oferecendo a elas a bênção maior da vida eterna, conscientes de que tal período começa aqui mesmo na terra, com o máximo possível de paz, saúde, alegria, felicidade, harmonia, e se estendendo para a vida no céu, após a morte, onde tudo se completa perfeitamente. Os beneficiados pelas ações missionárias cristãs são, especialmente, aqueles da sua família e da sua igreja, os "domésticos da fé", mas também, e com a mesma intensidade, TODAS as pessoas, começando pelos que vivem no mesmo bairro e na mesma cidade que ele.

O âmbito da missão cristã na cidade

Para ser uma bênção na vida dos seus conterrâneos, especialmente num contexto urbano, deve-se levar em conta que a pregação do evangelho e o cuidado emocional são, de fato, indispensáveis, além de prioritários. Só que estas ações, como muitos já sabem, quando se fala de "abençoar vidas", são indissociáveis de outras, aquelas relacionadas a questões sociais e econômicas.

A exclusão social, a execução orçamentária na área, a eficácia dos gastos públicos, enfim, indicadores e temas como: expectativa de vida, renda, desemprego, educação, saúde, saneamento básico, habitação, entre outros, são fundamentais para uma pessoa e sua família serem felizes. O cristão deve estar atento, entre outras questões, consideradas mais "espirituais" (embora não seja bem assim a distinção que se deva fazer), mas deve prestar atenção à proporção de pobres em relação à população total do seu bairro ou cidade, e ter uma atenção especial no cuidado destes, e mais ainda com os indigentes, grupo que infelizmente nem sempre é tão pequeno quanto se imagina.

Milhões de brasileiros ainda vivem hoje na miséria, com renda mensal inferior a R$ 80 por mês. Existe na sociedade brasileira grave concentração de renda, aparecendo o Sul e o Sudeste ricos e as regiões Norte e Nordeste com concentração de miséria e pobreza. A Igreja deve estar atenta a estes números e exercer sua responsabilidade de fazer missões urbanas para superar tais desafios sociais, econômicos e espirituais.

Atualizada: Sábado, 26 Março 2016 22:41

Missões Urbanas

Assine agora! Boletim especial gratuito Soma Missões Urbanas!

banner missoes urbanas evangelismo 728x90