pregacoes evangelicas passo a passo

Bispos africanos: "Família, levanta-te e caminha..."

  • Por Lenildo Medeiros
  •  

Preocupados com a família e o matrimônio, atingidos "por transformações rápidas, quer sociais quer culturais", e conscientes de que ambos "constituem um dos bens mais preciosos da humanidade", parte da Igreja Católica africana, através de sua Conferência Episcopal de Angola e S. Tomé, tomou a decisão de dedicar o triénio 2011-2013 a refletir sobre esta temática. O objetivo é "fazer ouvir sua voz e oferecer a sua ajuda não somente aos que, conhecendo já esses valores procuram vivê-los de modo fiel, como também aos que se sentem inseguros e ansiosos e a quantos se vêem impedidos de realizar o ideal familiar". Também como argumento introdutório, eles citam a Carta Pastoral sobre a Família, de 1984 nº 1: "A família é o ponto de partida das demais sociedades (...) É que sem família não há Nação, não há Estado, não há Igreja. (...) A Família é o ponto de partida de toda a vida social, é o ponto de encontro, o centro onde vêm repercutir o fluxo e o refluxo da vida em todas as suas dimensões".

O plano trienal apresentado pelos bispos angolanos enfocará os temas: Família-Matrimónio; Família-Reconciliação; Família-Cultura. Num primeiro documento, os bispos falam das luzes e sombras da situação atual das famílias e oferecem "uma fundamentação bíblica e o ensinamento do Magistério a esse respeito". Mesmo, obviamente, com muitos trechos conectados à história recentes daquela região africana, traz muitas lições e alertas para as famílias cristãs de todo o planeta.

Leia a íntegra do documento "Família, levanta-te e caminha...", divulgado pela Conferência Episcopal de Angola e S. Tomé.

Última atualização: Domingo, 20 Julho 2014 01:01