No Carnaval, aumenta número de casos de exploração sexual de crianças

Estatísticas oficiais revelam que no período do Carnaval muitas crianças se tornam vítimas de adultos mal-intencionados. Nesse período, é ainda mais importante que as pessoas protejam os pequeninos e denunciem a pedofilia. Para incentivar e orientar a proteção às crianças, o governo federal lançou, dia 13/2, a 4ª edição da Campanha de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no Carnaval. A campanha terá spots (aquelas musiquinhas de propaganda) divulgados em rádios de todo o País. O material de divulgação será composto por adesivos, bandana, camiseta, cartaz, fitinhas para amarrar no pulso, banner, abanador e tatuagem temporária com a lágrima do pierrô - símbolo da campanha, que serão distribuídos em aeroportos, festas, sambódromo, hotéis da capital amazonense e de outras 11 cidades como Fortaleza, Corumbá, Vitória, Belém, Recife, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador, Belo Horizonte, São Paulo e Brasília. O slogan da campanha será”: “Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é Crime. Denuncie! Procure o Conselho Tutelar de sua cidade ou disque 100”. Disque 100 O material vai divulgar o "Disque 100", telefone da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República que recebe denúncias anônimas sobre casos de exploração sexual e desaparecimentos todos os dias das 8 às 22 horas. Ouça aqui o áudio da campanha e dê sua opinião sobre o tema no botão "comentar" abaixo.
Fontes: Secretaria Especial de Direitos Humanos, Plenarinho da Câmara dos Deputados, com informações do jornal O Estado de São Paulo.

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.