Há esperança para o matrimônio e a família no século 21?

O anúncio de uma conferência regional na Inglaterra em junho pela organização ecumênica Congresso Mundial das Famílias relembra alguns temas muito importantes, sobre os quais líderes cristãos brasileiros também devem manter a atenção ao longo de sua atuação missionária e pastoral em comunidade. São eles: “A santidade da vida”, “A fé como o esteio da família”, “Pornografia e a Família”, “A Família - Construção Social ou Fenômeno Natural?”, “Declínio das taxas de natalidade: as raízes filosóficas da crise demográfica”, “Há esperança para o Matrimônio e a Família no século 21?”, “Edificando Casamentos fortes para enfrentar o futuro ou Porque o casamento não é opcional”, “A luta contra a obrigatoriedade da disciplina Educação Sexual na Inglaterra”, “Fortalecendo a Maternidade - a Perspectiva Africana”, e “Educando para ter famílias fortes”.

O evento acontece durante a Semana Nacional da Família do Reino Unido. Dentre os preletores, e suas organizações, gente especializada no estudo e apoio às agruras e alegrias da vida familiar e movimentos que podem servir de referência para iniciativas similares no contexto local de cada igreja brasileira: Amy King, da Campanha da Primeira Página (The Front Page Campaign) contra a erotização de crianças pela mídia (principalmente nas capas de revistas); Vivienne Pattison, da Media Watch UK (filial inglesa do movimento mundial de combate ao sexismo, racismo e violência na mídia através da educação e da ação); Sharon Slater, Family Watch International (que tem a visão de construir um movimento crítico e entusiasmado de preservação e promoção da família); John Smeaton, da Sociedade de proteção às crianças no útero (Society for the Protection of Unborn Children), entidade inglesa que defende a existência e o valor da vida desde a concepção; Dr. Farooq Hassan, Jurista que participa do Fórum da Família Paquistanesa; Edward Adamus da Diocese Católica de Westminster; Brenda Almond, professora de Política Social e Moral na Universidade de Hull; Bryan Appleyard, da Sociedade Budista; Theresa Okafor, da Liga Pela Vida da Nigéria e Fundação pela Herança Cultural Africana; Don Feder, Diretor de Comunicação do Congresso Mundial das Famílias (World Congress of Families); entre outros.

Família e religião têm uma parceria milenar e mutuamente frutífera em quase todos os lugares do mundo. O Congresso Mundial das Famílias segue nesta base. Trata-se de uma rede internacional de organizações pró-família, acadêmicos, líderes e pessoas de boa vontade de mais de 60 países que buscam restaurar a família natural como fator fundamental da unidade social e a sementeira da sociedade civil (como afirmado pela Declaração Universal dos Direitos Humanos, 1948). Foi fundada em 1997 por Allan Carlson e é um projeto do Centro Howard para a Família, Religião & Sociedade (The Howard Center for Family, Religion e Society) em Rockford, Illinois, EUA. (Por Lenildo Medeiros)

Atualizada: Domingo, 20 Julho 2014 01:03

Pin It

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.