Igrejas são identificadas como novo canal de distribuição de livros, diz pesquisa

Qual o frequentador de igrejas que nunca passou numa banca de livros em espaço religioso para ver as novidades? O fato é que há muitos anos esse fenômeno da venda de livros em igrejas acontece, e muitos líderes cristãos sempre usaram esta facilitação como uma forma de incentivar a leitura de conteúdos religiosos para seus liderados. Mas, agora, uma pesquisa científica quantificou este "novo" canal de comercialização: Em 2008, as igrejas venderam mais de 3 milhões de exemplares, 1,43% do mercado como um todo. A pesquisa “Produção e Vendas do Mercado Editorial Brasileiro 2008”, divulgada nesta quarta-feira (12/8), no Rio de Janeiro, também evidenciou o crescimento geral do segmento de livros religiosos. O estudo, elaborado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas da Universidade de São Paulo (Fipe/USP), por solicitação da Câmara Brasileira do Livro e do Sindicato Nacional dos Editores de Livros, traz, entre outras, as seguintes informações: - Religiosos foi o subsegmento que mais cresceu em exemplares produzidos (21,8%). - Religiosos foi o subsegmento que mais cresceu em faturamento (13,54%) e em número de exemplares (15,75%). Isso significa R$ 321,2 milhões nas vendas de 50,2 milhões de exemplares, com preço médio de R$ 6,39 por exemplar. - Em faturamento, o maior crescimento ocorreu no subsegmento Religiosos, com incremento de 18,42% sobre 2007, chegando a R$ 323,4 milhões em 2008. Veja a seguir os aspectos gerais da Pesquisa: O preço dos livros caiu: O preço médio constante do livro (todos os gêneros), por unidade vendida, variou de R$ 8,58 em 2004 para R$ 8 em 2008. Se levarmos em consideração que a inflação acumulada no período 2004/2008 foi de 14% (IPCA) ou de 21% (IGP-M), a queda do preço do produto editorial fica ainda mais evidente. A produção total caiu em 3,17%. Foram 340,2 milhões de exemplares produzidos em 2008 contra 351,4 milhões em 2007. A tiragem média dos novos títulos cresceu 10,96% e foi de 6.785 exemplares em 2008 (em 2007, foram 6.115). A tiragem média de obras reeditadas caiu para 6.655 (2008) exemplares, contra 8.944 em 2007. A redução foi de 25,6%. O Mercado cresceu 6,56% em faturamento e 5,64% em exemplares vendidos, totalizando R$ 2,43 Bi pelas vendas de 211,5 milhões de exemplares. Faturamento Total: O faturamento total cresceu 9,71%, ao mesmo tempo em que o volume de exemplares vendidos cresceu apenas 1,24%. O Mercado continua sendo responsável pela maior fatia do bolo, embora tenha reduzido sua participação de 76% (2007) para 74% (2008). Ao Governo coube o maior incremento no faturamento (19,61%) e a maior redução em número de exemplares adquiridos (-5,6%). Traduções: O número de títulos editados e exemplares traduzidos para o português cresceu 18,61%, enquanto o volume de exemplares teve incremento de 24,89%. Foram 3.981 títulos e 20,69 Milhões de exemplares. O maior incremento vem do idioma Francês (42,96%), certamente em virtude das comemorações do ano da França no Brasil. Mas as publicações de idioma Inglês continuam sendo responsáveis pela maior fatia no bolo de obras traduzidas: 60% dos títulos e 52,89% dos exemplares vendidos. Temas que se destacaram em crescimento de títulos: Literatura Juvenil (41,91%); Artes, lazer e desportos (31,98%); Ciências Sociais (31,69%); Tecnologia e Ciências Aplicadas (21,39%).

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.