Evangelista defende liderança urbana transformadora

No início da década de 1970, o engenheiro neozelandês Viv Grigg era um jovem com o sonho de levar os mais pobres a Jesus. Decidiu morar em uma favela de Manila, nas Filipinas, e deixar o Espírito Santo usá-lo na evangelização. Com seu pioneirismo em missões, Viv Grigg já percorreu favelas de Calcutá, na Índia, de São Paulo, no Brasil, e de Los Angeles, nos Estados Unidos.

Viv Grigg falou, dia 14/4, na Igreja Maranata da Tijuca, ao lado do pastor Ariovaldo Ramos, que sempre leva um convidado aos seminários chamados Missão na Íntegra. E no dia 16, Grigg falou a alunos e professores do Seminário Betel. O Rio de Janeiro poderá abrigar mais uma parceria da Fundação Urban Leaders, instituição na qual Grigg realiza parte de seu ministério.

A estratégia de Grigg é convidar pessoas com coração missionário e algum treinamento em ciências sociais a morar em uma favela e trabalhar com os moradores pelo desenvolvimento comunitário em bases cristãs e escrever sobre a experiência. Os estudos integram um curso de mestrado (M.A.) com várias modalidades, desde antropologia à economia e empreendedorismo social oferecido em mais de 40 cidades do mundo. Para ele, o Espírito Santo é o responsável pelas vitórias. Desde 2008, cerca de 1800 novas igrejas surgiram do trabalho de pastores e evangelistas nativos que integram a Aliança Encarnação, movimento de líderes de igrejas pobres em diferentes partes do mundo.

Viv Grigg é professor associado da universidade cristã Azusa Pacific (Los Angeles, EUA), desenvolvendo uma abordagem acadêmica que visa à transformação de comunidades pobres a partir de valores do Evangelho. Ele idealizou um curso de mestrado em Liderança Urbana Transformacional (MATUL, na sigla em inglês), que é oferecido pela Azusa Pacific e por parceiros em Bangcoc (Tailândia), Nova Dheli, Chenai e Nagpur (Índia), Manila, (Filipinas), Nairobi (Quênia), Porto-Príncipe (Haiti) e São Paulo.

Casado com a brasileira Ieda Grigg, o missionário escreveu sete livros, entre eles “Servos entre os pobres” (Comibam/Aura Books, revisado e atualizado em 2007 pela Ultimato) e “O grito dos pobres na cidade” (2000, publicado pela Missão Editora).

Atualizada: Quinta, 01 Setembro 2016 09:12

Pin It

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.