Uma em cada cinco adolescentes do mundo fica grávida até os 18 anos de idade

gravidez-adolescenciaA Organização Mundial da Saúde (OMS) demonstrou, em comunicado na segunda semana de maio, preocupação com os crescentes números da gravidez na adolescência no mundo. Segundo a entidade, uma em cada cinco adolescentes fica grávida até aos 18 anos e, anualmente, em todo o mundo, 16 milhões de adolescentes, entre 15 e 19, já experimentaram a maternidade.

Em muitas e populosas culturas do mundo, as mulheres ainda "são casadas" muito novas por suas famílias, e acabam tendo filhos na adolescência, o que ajuda a entender os altos índices. Nos países mais pobres, cerca de 30 por cento das jovens casam-se antes dos 18 anos e a pouca escolaridade também contribui para a gravidez precoce.

"Muitas adolescentes não sabem como evitar uma gravidez ou não têm acesso a métodos contraceptivos", diz a OMS. Outra preocupação são as complicações na gravidez e no parto, especialmente nos países menos desenvolvidos economicamente. O parto está entre uma das primeiras causas de morte entre adolescentes dos 15 aos 19 anos.

Gravidez na adolescência

"Ter um bebê durante a adolescência traz consequências para a saúde da mãe e da criança, especialmente em locais onde os sistemas de saúde são deficientes", afirma a nota da OMS.

"Em alguns países, as adolescentes recebem menos cuidados de saúde durante e depois do parto do que as adultas", conclui.

Adolescentes também se sujeitam mais a abortos ilegais

Cerca de três milhões de meninas entre 15 e 19 anos praticam aborto anualmente, e de forma insegura. E quando as crianças escapam disso, em geral, sofrem com a grande probabilidade de serem crianças desnutridas pelo fato de serem filhos/as de adolescentes.

Em suma, o quadro é trágico e há espaço para uma intervenção maior, tanto na prevenção e apoio, quanto em socorro imediato, por parte do poder público e de agentes privados, tais como igrejas e outros grupos religiosos. Sem dúvida, uma das formas de abordar as pessoas para ajudá-las neste contexto é a informação completa e segura. Leia mais sobre o recente estudo da OMS sobre o tema da gravidez na adolescência.

Atualizada: Quarta, 16 Mai 2012 09:23

Pin It

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.