Congresso em Foco: STF arquiva um processo contra parlamentar por semana

Um levantamento divulgado na segunda-feira (5/10) pelo site Congresso em Foco, do portal IG, revela que "somente nos últimos quatro meses o Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou 14 denúncias contra deputados federais e senadores. O número representa, em média, um processo a menos por semana contra os parlamentares na mais alta corte do Judiciário brasileiro. Os arquivamentos são a outra face de um curioso histórico do Supremo", segundo reportagem escrita por Thomaz Pires.

"Embora não tenham faltado nos últimos anos congressistas acusados pelos mais diversos tipos de crime, nunca o tribunal condenou um congressista. Quase sempre, os procedimentos são encaminhados para arquivamento. Em muitos casos, isso ocorre depois de o processo prescrever, após mofar por anos a fio nas gavetas da burocracia da Justiça. Há, porém, quem atribua o desolador destino das acusações à má qualidade das denúncias apresentadas, como disse o ministro Marco Aurélio em entrevista ao Congresso em Foco. Uma crítica, aliás, rebatida pelos policiais federais". Continue lendo aqui. A pergunta que fica: Mas onde está a bancada evangélica que deveria estar cumprindo seu dever e fiscalizando atitudes que agridem à ética no Congresso? Comente no final da matéria. Veja a lista dos parlamentares processados, por estado. Saiba o que dizem os parlamentares processados. (Por Marcelo Dutra - Fontes: IG, Gnotícias e Diário de Maringá)

Atualizada: Domingo, 20 Julho 2014 22:36

Pin It

Se você gostou do que leu, queria sugerir três coisas:

1) Se quer que outros também sejam abençoados como você foi, compartilhe o link de acesso a este artigo nas suas redes de whatsapp, Facebook, Instagram etc... O link para que outros também leiam o que você leu e gostou está na barra de URL do seu navegador. Ou use um de nossos links de compartilhamento nesta página.

2) Se quiser acrescentar algo, elogiar, criticar ou tirar uma dúvida, deixe aqui no espaço para os comentários desta página mesmo. Ou entre em contato conosco.

3) Se quiser nos ajudar a continuar, uma das coisas que você pode fazer é visitar também um site de algum de nossos parceiros. Para isso, basta entrar lá através de nossas indicações nesta página, isto se você tiver algum interesse no que está sendo oferecido.

Seu apoio é de vital importância. E saiba que o que você fizer nos ajudará muito a manter esta obra funcionando.